Ventos de Outono

DSCN0508Feliz Equinócio de Outono!

Bom, nos últimos tempos eu refleti bastante sobre a minha vida e percebi que muitas coisas mudaram desde o final do ano para cá. Eu pensei muito sobre o ano de 2013 na minha vida, reconheci os meus erros (não foram poucos) e os acertos e coloquei tudo numa balança para tomar algumas decisões.

A primeira coisa é que eu não quero que o ano de 2013 até outubro se repita esse ano e nem em nenhum outro. Foi um ano extremamente estressante por motivos bobos e completamente desnecessários e irrelevantes, foi um ano que eu reduzi minha idade mental de forma grotesca e não posso permitir que isso volte a acontecer, afinal agora eu sou casada, tenho uma casa, responsabilidades e principalmente duas vidas para cuidar: a minha e a do meu marido. Além disso, tenho uma carreira que precisa ser construída e isso merece muita atenção e carinho da minha parte.

Em 2013 eu passei muito tempo na internet, esqueci de viver e isso me trouxe muitos aborrecimentos. Eu me magoei, magoei pessoas e me vi com preocupações descabidas que não fazem o menor sentido na minha vida real. Eu perdi tempo precioso de estar estudando, investindo na minha carreira ou cuidando dos meus assuntos pessoais, com conversa mole de internet.

Hoje, sinceramente, me sinto uma idiota por isso, por ter dado atenção a tanto ~mimimi~ virtual. Então eu casei, viajei, conheci outras culturas, me reaproximei dos meus amigos e vi o quanto a internet estava sendo inoportuna e prejudicial na minha vida. Em tempo, amadureci em relação à diversas coisas e hoje eu só consigo dar risada (até mesmo gargalhadas) ou até mesmo sentir pena de ver gente ainda com o disco no mesmo lado do ano passado e anos anteriores e com as mesmas conversinhas moles de sempre.

Eu realmente não pretendo servir de combustível para esse tipo de coisa, nem na vida real e muito menos na virtual. Realmente estou num momento crucial da minha vida e todo o meu tempo e esforços devem ser concentrados no que é importante para mim, para a minha família e para o meu futuro.

Mas por que estou dizendo tudo isso? Bom, tudo isso que falei é só um dos motivos pelo qual eu tomei algumas decisões. Atualmente me encontro numa fase que tudo está mudando muito rápido, estou aprendendo muitas coisas e meus pensamentos fluem como um estouro de antílopes.

Hoje eu quero usar o tempo que tenho na internet de forma útil. Não comentando sobre o layout do blog de fulano, nem como aquele corte de cabelo ficou estranho em ciclana, nem como beltrana se veste esquisito e muito menos dando atenção pra conversa de pessoas: a) com o ego doente; b) com síndrome de perseguição; c) com a necessidade humilhante de ter um pouco de atenção. Eu realmente quero usar a internet de forma útil para mim e para as pessoas.

Por isso eu decidi que não vou mais atualizar esse blog e vou reduzir drasticamente o uso de redes sociais. O Crônicas foi um espaço muito especial para mim durante muitos anos, mas hoje ele já não condiz com a minha realidade.

Entendam, meus gostos não mudaram em nada, eu continuo gostando exatamente das mesmas coisas, comprando os mesmos livros, indo nos mesmos lugares e comendo as mesmas coisas. Eu só não sinto necessidade e vontade de ficar compartilhando essas coisas, afinal são coisas pessoais minhas e quem nem sempre interessa a todos.

Então para mim é um desperdício de tempo e dinheiro (sim, eu gasto um valor considerável por mês com hospedagem e afins) simplesmente para dizer qual meu ilustrador ou músico favorito para 30, 50, 100 pessoas. Eu assumo, isso é irrelevante para a maior parte das pessoas e não acrescenta nada para a maioria delas.

Por isso esse formato de blog não me agrada mais. Mas isso não significa que eu não vou mais blogar, vou sim, mas em outro lugar. Estou em fase de planejamento de um novo blog de utilidades onde vou compartilhar as diversas descobertas que tenho feito desde que me casei, então irei postar receitas, dicas e tudo o mais que de alguma forma foi e é relevante para mim e pode ajudar pessoas.

Também irei criar outro blog pessoal, mas basicamente para fotografias e pequenas impressões, uma coisa bem simples e na qual não me sentirei obrigada a postar como me sinto hoje com o Crônicas.

Não tenho data para quando esses dois projetos irão ficar prontos, pois agora estou me dedicando exclusivamente à minha carreira, só posso dizer que será antes do meio do ano, mas não exatamente quando. Mas assim que algum deles estiver disponível, eu venho aqui avisá-los e deixar os links.

Não se preocupem com as informações e dicas para quem pretende viajar para a Irlanda/Escócia que eu prometi, assim que o próximo blog ficar pronto eu irei fazer um ou dois posts condensados com todas as informações relevantes.

Agradeço a todos que me acompanharam durante esses 5 anos de existência do Crônicas e só posso dizer que em 95% do tempo ele só me trouxe amizades maravilhosas, mas também me aborreci bastante nos outros 5% do tempo, o que me faz não querer continuar com esse projeto nessa fase da minha vida.

Não vou sumir por completo, vou continuar atualizando a fan page e também ando usando bastante o meu Livejournal, então podem me acompanhar por lá temporariamente: http://maskofarcana.livejournal.com

Uma grande abraço a todos e até breve!

 

Comments

comments

Eurotrip 2013: National Museum of Ireland – Archaeology & History

DSCN0622Saindo do St Stephen’s Green, fomos direto para o museu de arqueologia e história. Confesso que esse era um lugar que estávamos muito ansiosos para conhecer, pois tanto o César quanto eu, somos apaixonados pela cultura celta e nórdica (adendo: marido é completamente apaixonado por tudo que se refere aos vikings, principalmente) e visitar um museu de arqueologia com coisas referentes à esses dois povos nos deixou bastante entusiasmados.

DSCN0628Fiquei muito impressionada com o tamanho do museu, eu nunca tinha visitado algo tão grande na vida e foi o primeiro museu de arqueologia que visitei. Eram dois andares com tanta coisa exposta que num determinado momento eu parei de fotografar para poder dar conta de ver tudo. Tirar fotos é muito legal, mas ver as coisas detalhadamente enquanto está lá é melhor ainda.

Tinha objetos de diversas eras expostos, contudo a ênfase no período de existência dos celtas e vikings na Irlanda era muito grande. Uma coisa muito curiosa que vimos lá foi uma múmia ruiva, sério gente, o cabelinho conservado há centenas de anos ainda era ruivinho.

Eu fiquei bastante emocionada em dois momentos durante a visita ao museu. O primeiro momento foi esse:

Sem-Título-1Sabem o que é isso? É um verdadeiro guerreiro viking e sua espada. Não preciso dizer que as minhas pernas até perderam um pouco da firmeza quando vi isso, eu realmente tive vontade de chorar vendo os restos mortais de alguém que pertenceu à um povo tão querido por mim. Também nunca vi ossos tão grandes na vida, seguramente este homem tinha mais de 2,15m enquanto estava vivo, agora realmente acredito quando falam que eles eram extremamente altos.

O segundo momento e o que realmente a lágrima chegou bem perto de cair, foi quando entramos numa sala onde havia uma pedra bem grande com inscrições oghâmicas (quem não sabe do que se trata é só pesquisar sobre o Ogham). Infelizmente dentro daquela sala nada podia ser fotografado, mas eu abracei bastante a pedra, passei a mão como se fosse um bebê e agi como louca durante um tempo considerável para que aquele momento nunca sumisse da minha memória. Aquilo realmente foi muito importante e emocionante para mim, imaginar que um celta (ou um grupo deles) fez aquilo há centenas de anos atrás quase me causou um AVC de tanta felicidade.

Eu realmente queria ter ficado mais tempo dentro daquele museu, mas infelizmente nossa felicidade acabou quando chegou um segurança e disse “Estamos fechando.” Por isso eu digo, se for para a Irlanda e estiver em Dublin vá nesse museu e de preferência reserve um dia inteiro para ele, vale cada minuto da visita. E o melhor, a entrada é franca.

IMG_2576Reprodução de uma casa viking.

Alguns de vocês devem estar pensando: Vikings na Irlanda? É normal, pois muita gente acha que só os celtas dominaram aquela região por muitos séculos. Mas não, os vikings também viveram lá e inclusive Dublin, a capital da Irlanda, foi fundada por eles.

DSCN0696 DSCN0709 DSCN0720 DSCN0726 DSCN0752 IMG_2533IMG_2587

E agora a plaquinha infeliz responsável pelo aborto do projeto da nossa próxima viagem para a Europa, que seria para o Reino Unido:

Sem-TítuloPor culpa dela, em 2016 faremos um mochilão pela Escandinávia (nem sei se ainda usam esse termo atualmente, mas entenda-o como países nórdicos) só para visitar todos os museus e lugares com importância histórica para os vikings.

Eu realmente recomendo muito que, se vocês estiverem passeando por Dublin, visitem esse museu. Vale muito a pena.

Comments

comments

Nota #01: Sumiço, projetos e outras coisas mais

Sim, eu sei. Eu sumi, mas não se preocupem: não morri, não estou doente e estou até muito feliz. Não ando atualizado o blog, pois estou cheia de coisas para fazer e uma delas é muito importante.

Dentro de pouco mais de um mês, creio eu, eu irei fazer uma prova e se eu passar será algo muito bom para a minha carreira (pra quem não sabe eu sou bióloga recém formada e no momento estou desesperada por um emprego na área). Por isso preciso estudar muito, embora a concorrência não seja tão grande como num concurso público, a prova é muito difícil e tem elementos que eu não tive na faculdade, por isso eu preciso estudar demais para ter alguma chance.

Outra coisa que é eu sou a rainha da procrastinação e tem várias coisas na minha casa precisando ser organizadas desde que me mudei para ela (calma, estou morando nela há 3 meses apenas) e se eu conseguir um emprego em período integral, vai ser um pandemônio, então é melhor deixar tudo certo enquanto ainda posso me dar ao luxo de estar em casa boa parte do dia.

A terceira e última coisa é que pretendo criar um novo blog nos próximos meses. Ele não será pessoal e basicamente vou postar coisas à respeito das minhas incursões e descobertas na vida de dona de casa e principalmente onde irei compartilhar minhas experiências culinárias, entre outras coisas.

Também estou querendo ter um blog pessoal, só que mais minimalista. Considerando o fato que sou uma pessoa muito indecisa, ainda estou pensando se vou permanecer com este aqui (mudando o domínio, layout e tipos de posts, claro) ou se uso apenas o Livejournal para tal fim. Enquanto eu não decido isso, vou mantendo como está.

Eu vou continuar fazendo os posts da viagem, não se preocupem. Só vou precisar mesmo desse tempo mais ausente para poder me dedicar mais aos meus assuntos pessoais nesse momento. Mas eu volto, juro que volto!

0_660e1_640c1b56_S

Comments

comments

Eurotrip 2013: St Stephen’s Green, Dublin.

DSCN0590Saindo do Museu de História Natural, nós fomos conhecer o St Stephen’s Green, que é um dos patrimônios mais antigos de Dublin. Ele é um parque público e está situado no centro na cidade, próximo à diversos museus e centros comerciais.

É um parque de porte médio e estava lindo no período em que estávamos lá, afinal era outono e as vegetação estava lindamente variando entre os tons de marrom, laranja e amarelo. Além disso, como em vários outros lugares da Irlanda, o parque contava com uma família bastante simpática de patinhos.

Eu gostaria de ter explorado mais o cenário e tirado mais fotografias, mas eu ainda estava me habituando ao frio e tirar as luvas era uma situação penosa para mim, além disso, ainda tinha o problema das pilhas câmera, que sempre resolviam acabar no pior momento. Mas entre pilhas e baterias de celular descarregadas, voltamos de viagem com quase 4000 fotos.

Sobre o St Stephen’s Green é um lugar que eu recomendo demais uma visita, sobretudo se você estiver por lá no outono e na primavera, pois acredito que lá deve ser igualmente lindo nessa estação também.

DSCN0594DSCN0615

DSCN0616 IMG_2467 IMG_2468 IMG_2471 IMG_2472

Eu tenho MUITA coisa para postar ainda sobre a viagem, então eu vou intercalar um post comum e um sobre a viagem para acabar com isso logo, ou chegará o dia da próxima viagem e ainda estarei postando sobre essa.

E para quem gosta de arqueologia, o próximo post será muito interessante… Até mais! <3

Comments

comments

1 2 3 4